quarta-feira, 12 de novembro de 2014

A PROSTITUIÇÃO DO MMN ATUAL - A "Ascensão do LADO NEGRO DA "FORÇA""

Empreendedor com 20 anos de experiencia em marketing Multinivel 
Escritor do Blog Vendas e Oportunidade a 6 anos.
Lider ouro da Novety Cosméticos
Sabemos que em todos os segmentos da sociedade temos bons e maus elementos. Infelizmente no ramo de marketing de relacionamentos, parece que as pessoas tem colocado valores e posições acima da ética. Quantas vezes gastei tempo, raciocínio e dei informações valiosas que colhi com minha experiencia e vivencia neste mercado? De repente a pessoa se cadastra com outrem, pois recebeu alguma "vantagem", ou kit pago, ou promessas de vantagens quaisquer. Claro que a pessoa é livre para se cadastrar com quem quiser, mas temos uma certa ética no MMN. Acontece que as vezes, o próprio empreendedor é ludibriado por esses elementos que nem citam que ja conversaram com outra pessoa, justamente esperando o "quem dá mais". Esse tipo de pessoa é nefasta e não produz, pois da mesma forma que se vendeu pra você, ou para outro crossline ou até mesmo downline (sem seu conhecimento), este o fará quando aparecer um outro negócio "hiper-mega-ultra-arrazator-tabajara", e fará o mesmo jogo sujo. Por outro lado, temos os "supostos" lideres, que mesmo sabendo que outro ja apresentou o negocio, tenta puxar esse cadastrado para sí. Lembrando: a pessoa É LIVRE para entrar com quem quiser. Já passei por isso, e sempre passaremos, pois como ja disse, e repito: "maus elementos existem em todos os segmentos, profissionais, religiosos, politicos (principalmente) e sociais", as vezes alguns em sua inocência o fazem sem perceber que aquilo não é adequado (raras ocasiões). Logo não é nenhuma novidade. O que deve haver é o cuidado do empreendedor para não sujar seu nome com pessoas de tão baixa ética (OU FALTA DELA), portanto, segurem as emoções quando algum "bam-bam-bam" do MMN querer entrar no teu grupo. Em muitos casos ele vai prometer "mundos e fundos, de trazer toda rede da antiga empresa etc,etc,etc", e no final das contas, será como em muitos casos: "muita farinha é sinal de pouca carne no churrasco". Portanto sugiro trabalhar com gente de fibra, que está acostumado com MMN de produtos, que sai na rua, que mostra o plano, que cadastra, que vende, pois de "propaganda enganosa" estamos cheios. Lider de verdade NÃO SE VENDE, NÃO PERDE A ÉTICA, e não cai em roubada.
Volto a dizer: quem vende passe é time de futebol, 
Quem dá as coisas de graça é casa de caridade.
Estamos em um negócio.

Nenhum comentário: