quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Você é tão bom quanto o Upline que gostaria de ter?


Você é tão bom quanto o Upline que gostaria de ter? Quando nos decidimos por uma empresa de MMN, normalmente nos ligamos a primeira pessoa que nos contactou para tal oportunidade. Esse contato pode ter sido via email, telefone ou mesmo contato pessoal. Dizemos que é ético essa postura.
Ok, pode até ser “ético” ser afiliar ao primeiro que lhe contactou, mas (sempre tem um “mas”), até que ponto agir assim é saudável para o futuro do seu negócio?
Não seria ideal que a avaliação fosse feita de forma “bi-lateral”, ou seja: “O João me convidou para a empresa XYZ. A proposta da empresa me atende, mas será que o João tem todas as competências necessárias para ser o Upline que necessito...” ?
Lembre-se: É o seu futuro que está em jogo... .
O que acontece na grande maioria das vezes e que não existe a avaliação por esse ponto de vista, e com isso pode-se estar enterrando uma variável importante no desenvolvimento do nosso negócio, que é o suporte de nosso Upline direto. A escolha por um Upline despreparado, descompromissado e não atuante, com certeza não será determinante para o seu sucesso (pois isso depende de você). Agora, não podemos negar que, se ele for a pessoa certa, suas chances aumentam de forma considerável.
Resumidamente, a empresa correta, aliada ao Upline correto podem sim fazer diferença em seu negócio de MMN.
Pensando dessa forma, busque ser o “Upline dos sonhos”, pois o mercado já está começando a se tornar seletivo na procura pelos melhores profissionais (e podem escrever, cada dia a busca pelo bom profissional de MMN aumenta).
Seja referencial no seu meio, no seu bairro, na sua cidade.
Seja para os seus downlines um Upline presente, atuante, profissional e parceiro. Aprenda a construir relacionamentos que vão muito, mas muito além do que o simples interesse financeiro.

Nenhum comentário: